exercicios de SO – ficha 1

1. verifique o caminho da sua directoria pessoal. qual o resultado do comando id? vá até a directoria raiz, e tente ver que subdirectoras aí existem.

2. criar um ficheiro de nome ‘resposta.txt’ com as respostas da ficha

3. crie uma estrutura de subdirectorias na sua directoria pessoal

3b. listar recursivamente a sua directoria pessoal

4. desloque a directoria ‘pdfs’ para a sua directoria pessoal

4b. remova a directoria ‘material’

5. liste os ficheiros da directoria ‘/home’ e das subdirectorias que se encontram dentro da mesma, de uma forma recursiva

6. encontrar o comando pwd que encontra-se numa directoria de nome ‘bin’. tente encontrá-lo utilizando os comandos ‘cd’ e ‘ls’

7. volte novamente para a sua directoria. uma vez aí, crie uma subdirectoria de nome ‘teste’

8. crie dentro da directoria ‘teste’ outras directorias, de forma a obter o caminho seguinte: ‘~/teste/so/labs/

9. remova estas directorias todas, deixando apenas a directoria ‘teste’

10. crie um fcheiro de nome ‘dados.pessoais’ com os seus dados pessoais (nome, morada, telefone, código postal, curo, ano do curso, data de nascimento, Bi, etc).

10b. Acrescente mais 30 linhas ao ficheiro

11. visualize o conteúdo do ficheiro ‘dados.pessoais’ com pausas

12. mude o nome de ‘dados.pessoais’ para ‘dados.txt’ e coloque-o na directoria ‘teste’

13.acrescente a frase ‘Fim de fichero’ no fim do ficheiro ‘dados.txt’, sem usar qualquer editor de texto

14.como deve ter reparado ao resolver o exercício 5, em algumas directorias não foi possível a sua listagem. Isto deve-se ao facto de as mesmas se encontrarem protegidas. Desta forma o sistema responde com uma mensagem de erro. Resolva novamente este problema, mas desta vez redireccionando estes erros para um ficheiro de nome ‘erros’

15. crie uma directoria de nome ‘bin’ na sua pasta de trabalho em que não é permitido aos outros utilizadores, escrever, ler ou executar algum comando dentro dela.

16. utilize a linha de comandos para criar as seguintes directorias

f1_tab1

16b. assumindo que a sua mascara de criação é 022 e todos os ficheiros “fich.txt” não tiveram as suas permissões alteradas desde a sua criação, assinale com um ‘X’, todas as operações que um utilizador do seu grupo poderá realizar:

f1_tab2

16c. inicie uma sessão na maquina virtual com outro utilizador (login) que pertença ao grupo ‘so1’, e verifique se o resultado está correcto

17. conte o numero de ficheiros que existem na sua directoria, utilizando para comandos em UNIX

18. crie na sua directoria pessoal uma outra directoria de nome ‘direct’. Dentro desta crie outra de nome ‘dir’, por ultimo esta deve conter um ficheiro de nome ‘fich’.

18b. Utilizando apenas um comando do UNIX, tente copiar a directoria ‘dir’ e o respectivo ficheiro ‘fich’, para a sua directoria corrente.

18c. Utilizando novamente só um comando, tente apagar as directorias e o ficheiro criado.

19. utilizando comandos UNIX, crie um ficheiro de nome ‘grupos.txt’ que contém os nomes de todos os grupos a que pertencem os ficheiros da directoria ‘/etc’. Neste ficheiro ‘grupos.txt’ não deve haver repetição de palavras.

20. apresente no visor a primeira linha do ficheiro ‘grupos.txt’

20b. apresente agora as primeiras 5 linhas do ficheiro ‘/etc/passwd’

20c. da mesma forma visualize as linhas compreendidas entre a linha 8 e o fim do ficheiro ‘/etc/passwd’.

21. coloque num ficheiro de nome ‘resto.txt’, as ultimas 13 linhas do ficheiro ‘etc/passwd’

22. tente encontrar o ficheiro de nome ‘group’ nas directorias do sistema, utilizando para isso um só comando do UNIX. Envie os erros para um ficheiro de nomes ‘erros’

23. estabeleça uma ligação simbólica para o ficheiro ‘grupos.txt’, utilizando um outro ficheiro de nome ‘grupos.ligacao’, em que o caminho (path) para o ficheiro ‘grupos.txt’ se inicia na raiz

24. visualize o conteúdo do ficheiro ‘grupos.ligacao’. remova o ficheiro ‘grupos.txt’. Tente visualizar novamente o conteúdo do ficheiro ‘grupos.ligacao’. O que é que aconteceu?

25. suponha que o resultado do comando ‘ls’ é o seguinte

f1_tab3

25-i. qual o resultado da execuação do comando echo “teste…” >> dados.bak por outro utilizador do sistema?

25-ii. qual o comando a executar de forma a permitir o acesso (letirua e escrita) ao ficheiro temp.txt pelos utilizadores do grupo users

25.iii identifique os diferentes tipos de ficheiros listados em cima.

 

 

 

 

 

Tags : ,

Begin Programming: Build Your First Mobile Game

Acompanhar este curso.. “Begin Programming: Build Your First Mobile Game”

+infos: https://www.futurelearn.com/courses/begin-programming

Tags : ,

Learning Processing

os ficheiros de apoio do livro de Daniel Shiffman… “Learning Processing”

+infos: https://github.com/shiffman/LearningProcessing

Tags :

Lego com o freecad

Interessante, para criar na impressora 3D, impressões de peças de Lego..

+infos: LINK

Tags : ,

arduino yun: o inicio

Enviar mensagens para o arduino Yun a partir de uma página Web..

+infos: LINK

Tags :

arduino yun + dropobox

Detetar pessoas em frente a uma web cam, tirar fotos e partilhar de imediato num folder da dropbox. implica que exista um Pc mas gostei… dá para tirar algumas ideias para o futuro :P

+infos: LINK

Tags :

um novo livro..

Gostava de ler “(R)evolução Interactiva: Enciclopédia Visual de videojogos – Computadores, jogos electrónicos, consolas domésticas e portáteis” de Ivan Barroso.. este autor já escreveu outros livros relacioandos com a temática de videojogos e vai surgir durante 2015 mais um.

Tags : ,

Gostava de ter acesso a..

Gostava de ter acesso a este texto The Art of Reverse Engineering: Open – Dissect – Rebuild, nomeadamente: the return of the physical_ tangible trends in HCI de Tanja Doring

pag83_the return of the physical_ tangible trends in HCI

+infos: LINK

Tags : , ,